Laudos de exames: o que é o que é? Parte 1

Você faz uma ressonância magnética da lombar e quer saber o que deu. Lógico! Quer saber o que está rolando na coluna, se tem que operar, se está tudo bem ou tudo meio estragado. Ai você abre o laudo e não entende nada do que está escrito. Mas, tem tanta coisa que você pensa: F!

Então, o que é um laudo normal? O que é ruim? O que devemos nos preocupar?

Antes de mais nada, o que está escrito no laudo é a interpretação do que se vê numa imagem. E os termos usados são termos científicos e técnicos do exame, comparando a anatomia normal com a anatomia patológica. Por isso, são necessários estar lá. Mas, assustam bastante. E a física nos ensinou a muito tempo: “dois corpos não ocupam o mesmo lugar no espaço”. Por isso, tudo tem o seu lugar na coluna e quando as coisas são mexidas por lá, espaços são ocupados na marra patológica.

Então, vamos decifrar esse mistério de uma vez por todas? Eis os temos:

– Abaulamento discal – – O disco da coluna deu uma pequena achatada, mas nada que abale o seu emocional. As vezes isso ocupa o espaço que é de direito legal dos nervos e eles reclamam

– Osteófitos marginais – – São os famosos bicos de papagaio que se formam nos ossos por desgaste. E são marginais pois ele está ao redor do osso e sofrem preconceito

– Cone medular – – É como um cone de restaurante japonês, mas é o final da sua medula onde saem os nervinhos.

– Forames intervertebrais – – buracos onde saem seus nervos

– Indentação – O disco da coluna mostram seus dentes, ou seja, o disco faz uma tripinha e encosta no nervo ou em qualquer lugar

– Retificação – A curva que era curva ficou reta

– Modic – – Desgaste com inchaço no osso

– Nódulos de Schmorl – – Por livre e espontânea pressão do disco, ele invade o próprio osso, criando uma imagem de nódulos. Nada de mais mesmo.

– Saco dural – – Simplesmente um saco que envolve os nervos.

– Desidratação – – A coluna também sente falta de água.

– Espessamento do ligamento amarelo – – Ele é amarelo mesmo, mas fica mais grosso devido ao desgaste.

– Esclerose subcondral – – Quando dizemos que uma pessoa é esclerosada, dizemos que ela perdeu suas capacidades físicas e mentais. E o osso esclerosado perde cálcio e fica “diferente” / “especial”.

– Ligamento hipertrófico – – A mesma coisa dos bombados de academia, ficam maiores, grandes e volumosos. Ocupam um espaço que não é dele.

– Topografia – – é a descrição da forma, tamanho, volume, tipo e “acidentes geográficos” da coluna.

É isso ai. E lembre-se: ninguém trata laudo e exame. Eles são apenas uma fotografia detalhada da coluna. E nada mais!

Artur Padão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *