Classificando a dor – parte 5 – tipos de dor crônica

dor e classUm trabalho em conjunto da Organização Mundial da Saúde e da Associação Internacional para o Estudo da Dor propôs uma nova classificação para a dor crônica no início do ano de 2015.

As classificações, de uma forma em geral, são importantes para arrumar a casa, facilitar a vida dos planos de saúde, para dar nome as condições de saúde e deixar a vida dos pacientes menos dolorosas.

Uma observação importante: dor crônica também pode ser classificada pelo tempo de duração, superior a 3 meses, de forma persistente. Além disso, deve ter evidências de fatores psicossociais e com relevância para a severidade da dor (intensidade da dor + estresse + impacto funcional).

Esta nova classificação contempla as condições dolorosas mais comuns na prática clínica e foram divididas em 7 grandes grupos:

1. Dor crônica primária

2. Dor crônica no câncer (dor oncológica)

3. Dor crônica pós operatória e pós traumática

4. Dor crônica neuropática

5. Dor crônica de cabeça e orofacial

6. Dor crônica visceral

7. Dor crônica musculoesquelética

Confirma maiores detalhes no artigo abaixo:

http://journals.lww.com/pain/Fulltext/2015/06000/A_classification_of_chronic_pain_for_ICD_11.6.aspx#P70

Clínicos de plantão: esta é uma ótima opção para usar na dolorosa prática diária da clínica de dor. Não resolve tudo, claro, pois é uma classificação bastante biológica, nosológica e estrutural. Mas, parece uma casa mais organizada agora e já está disponível para o CID (classificação internacional de doenças).

Boa classificação a todos

Artur Padão – Dorterapeuta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.