A dolorosa vida de ir a um congresso

congresso dorQuando é o próximo? Vai ser aonde? Vai ser sobre o que? Quanto custa?

Essas são clássicas perguntas para que curte ir a um congresso, seja de dor, seja de qualquer outro tema que interesse a alguém.

Hoje, todos os congressos de dor são a próxima parada dolorosa, seja aqui, seja acolá. Entretanto, porém, todavia, contudo, mas, consequências podem ser dolorosas ao bolso, ao fígado e ao ouvido. Quem nunca né?

Entendo ir a um congresso como uma grande oportunidade científica, de conhecer lugares e pessoas. Mas, nossos entes mais queridos e próximos acham diferente.

Os pais acham que seu filho (a) está crescendo na vida, tornando-se alguém, investindo em sua carreira e clap clap clap: meu tesouro (a), meu rei (rainha), carinho, coração, loteria…KIKO (orgulho da mamãe).

A parte mais complicada é explicar para a mulher (homem) que você tem que ir em todas os eventos sociais, mesmo sendo algo incompreensível. TENS necessidade? Porque TENS que ir tudo? “Eu acho que tá demais…”

Mas, nem tudo é o que parece ser. O que acontece em vegas, morre em vegas???? Claro que não! Tudo pela ciência dolorosa.

Acredite, vamos lá estudar. Acredite, vamos lá aprender. Acredite, vamos lá ser vistos. Acredite, TENS alguma dúvida?

Próximo congresso de dor é em curitiba, partiu??????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.