Os caça-dores de mitos, parte 5: a lenda do transverso perdido

Contrariado pela cavidade abdominal, o famoso músculo transverso do abdômen recebe todos os holofotes quando o assunto é dor lombar. Todo mundo ja “ensinou” alguém a contrair o transverso, nas situações mais simples e diárias, até como forma de tratamento e controle da dor. Mas, apesar de toda a ciência construída por mais de 20 anos, ainda é um mistério procurar a contração do transverso.

Reza a lenda que todo mundo precisa contrair o abdômen (incluindo o transverso) para fazer um monte de coisa: dobrar o corpo, pegar peso, agachar, sentar, correr, andar, trabalhar sentado e até mesmo transar (sério). Isso é de antes do transverso virar celebridade. Hoje em dia, é uma obrigação contrair esse maldito músculo nas academias, nas atividades e em vários tratamentos. Mas…

Aonde ele está? Estou sentindo certo? Será que ele deu as caras? Cadê o raio do transverso?

Achar o transverso na internet é muito fácil. Achar o transverso no livro de anatomia é mais fácil ainda. Achar o transverso nas pesquisar é moleza. Está escrito que o transverso meio que dá uma fugida das suas obrigações de proteger e firmar a lombar. Ele meio que some mesmo e devemos caça-lo a qualquer custo. Afinal de contas, ele é uma celebridade muscular.

Mas, meus caros CurtiDores, depois de tantos anos, não é assim que a banda toca não. Será mesmo que ele está tão perdido assim? Será que fez de propósito no abdômen de humanos dolorosos? Quando contraímos o abdômen em qualquer atividade, ele está lá. Meio tímido, meio cabisbaixo, mas está lá.

Seu auge já passou e está sendo deixado para trás, como vários artistas premiados. Mas, não devemos esquecer que a lenda do transverso perdido prevalece fortemente na vida das pessoas. E a qualquer custo tenta-se encontrar o transverso. Sempre será misterioso mitológico orientar uma pessoa a transar com seu parceiro(a) pensando no transverso.

Cade o transverso? Dentro da sua barriga!

Precisamos contrair o transverso para tudo? Mito!

O transverso está realmente perdido? Mito!

Eu gosto do transverso? Verdade!

Eu ajudo o paciente a achar seu transverso? Verdade!

A lenda do transverso perdido? Lenda urbana anatomica funcional!

Artur Padão

2 comentários sobre “Os caça-dores de mitos, parte 5: a lenda do transverso perdido

    1. Renata, os estudos hoje mostram que os resultados são os mesmos, apesar de ainda se focar muito no transverso. obrigado

Deixe uma resposta para Renata Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.