“Eu tenho fibromialgia”: É isso mesmo?

fibro1Nunca uma síndrome dolorosa mexeu tanto com os profissionais e pacientes em todo mundo. O Enigma Fibromialgia leva todos ao desespero. Ninguém sabe realmente o que é, então escolher um tratamento é praticamente impossível.

Mas, será que tudo isso é realmente isso? Será que Fibromialgia existe? Ou estamos supervalorizando a dor generalizada e dando o nome de Fibromialgia? O detetive virtual Dorterapeuta irá nos ajudar a desvendar esse mistério doloroso.

 Um “bolinho ana maria” do Jornal Europeu de Dor (http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24619570) recentemente saído do forno falou sobre os fatores que podem facilitar o surgimento da Fibromialgia, a qual afeta cerca de 2 a 3% da população mundial.

Caramba, 2 a 3%. Como é que todo mundo hoje é “portador de fibromialgia”? Já pararam para pensar que todo mundo conhece alguém que tem fibromialgia? Está até próximo da prevalência de dor lombar, na boca do povo, que por acaso tem uma das maiores prevalências de dor em todo mundo.

Outro ponto interessante é falar dos preditores. Isso significa dizer que determinado fator vai aumentar as chances de alguém ter um problema. Sabe quais os da fibromialgia?

–       Hipermobilidade nas juntas (causa genética)

–       Obesidade

–       Disautonomia (problemas no sistema nervoso neurovegetativo – difícil)

–       Sintomas somáticos funcionais (ex. síndrome do colon irritável, síndrome da fadiga crônica)

Então, será mesmo Fibromialgia? Entendo que muitas pessoas tem dor em todo o corpo, se sentem doentes, se sentem incapacitadas, destruídas pela dor.

Então, o que é na verdade? Quando o corpo todo dói o sistema nervoso está extremamente sensível. Nessa situação, tudo o que se faz dói: movimento, tocar no corpo, mudança de temperatura, sair de casa, se estressar…

Ter dor em todo corpo não é fibromialgia. Aliais, ter vários pontos dolorosos no corpo não é fibromialgia. Fibromialgia é assim: MISTÉRIO!!!!!!

Artur Padão – Dorterapeuta

Um comentário sobre ““Eu tenho fibromialgia”: É isso mesmo?

  1. A dor vem sem avisar.Você pode estar bem física e emocionalmente…como um interminável abraço de um urso.
    Acho que no meu caso é causada pela fadiga crônica e estrsse.

  2. todos os dias acordo com dor nas costas, nos pés, nos ombros, mais isso acontece se eu me levantar pelas oito horas da manha, mais se eu me levantar pelas cinco e meia, seis horas meu corpo nao doi, mesmo eu me deitando tarde, so que sou professora e nao dá pra sentir sono pelas treze horas e trinta da tarde por exemplo, nesse horario estou dando aula, alem disso sou usuaria do CPAP, pois tenho apneia grave, outro medico um neurocirurgiao me disse que nao tenho fibromialgia e sim tendinite muscular, enfim, nao sei em quem acreditar, faço musculação tres vezes por semana, dança duas vezes e aerobox uma vez por semana, mesmo assim, morro de dor na hora que me levando somente na fora que me levanto, agora meus joelhos doem o dia inteiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *